Imobiliária – Saiba o que é preciso para montar a sua


Imobiliária

Imobiliária – Saiba o que é preciso para montar a sua!

Confira o passo-a-passo detalhado pelo Sebrae-SP e tenha uma empresa de sucesso

Inicialmente, é importante que o profissional que deseja abrir uma Imobiliária tenha perfil para o negócio. É necessário ter conhecimento específico sobre o funcionamento da atividade, experiência na área de gestão de relacionamento com cliente, conhecer as tendências do mercado imobiliário e ser capaz de elaborar projeto de captação, venda e locação de imóveis.

O consultor do Sebrae-SP Davi Jerónimo acrescenta que é fundamental ter paixão pela atividade imobiliária, atitude e iniciativa para promover as mudanças necessárias, visão clara de onde quer chegar. “Planejar e acompanhar o desempenho da empresa, ser persistente e manter o foco definido para a atividade empresarial também são itens cruciais”, ressalta.

Somado a isso, é preciso estar sempre disposto a inovar e ter grande capacidade para perceber novas oportunidades, agindo rapidamente em situação adversas. Confira o passo-a-passo detalhado por Davi Jerónimo:

1º Primeiros passos para montar sua imobiliária

  • Ter vontade de empreender, correr risco planejado; ter conhecimento sobre o negócio em que vai atuar, de preferência conhecer aspectos do Direito Imobiliário.
  • Planejar a abertura do negócio, tanto no aspecto legal (legislação), no aspecto técnico (registro no conselho de classe); mercado de atuação, investimento inicial e reserva de capital de giro.
  • Fazer um bom plano de negócio para reduzir o risco, verificar a viabilidade do empreendimento e antecipar dificuldades no futuro, garantindo gestão profissional e sucesso do negócio.

2º O que levar em consideração na hora de abrir a imobiliária

  • Estar presente tempo integral, principalmente no início das atividades.
  • Atuar de forma altamente profissional e qualificada.
  • Procurar fazer parceria com empresas de renome em sua região e em nível nacional, pois isto será uma porta de entrada para atingir os restritos e fechados mercados de grandes corporações empresariais do segmento de imóveis, que são as incorporadoras e construtoras.

3º Cuidados

  • O empreendedor deverá realizar pesquisas e elaborar um plano de negócio confiável.
  • Cuidado com o caixa, pois a empresa poderá receber muito dinheiro de comissão em um determinado mês e no outro não receber nada.
  • Fazer um bom planejamento de fluxo de caixa para cobrir períodos de sazonalidade.
  • Cuidado com parcerias com grandes imobiliárias ligadas às construtoras e incorporadoras, isso pode ajudar a empresa no primeiro momento, mas o cliente pode ficar insatisfeito com o atendimento ou serviço destas empresas, cortando o relacionamento com sua imobiliária.

4º O que não pode faltar

  • Esforço, persistência e comprometimento do empreendedor.
  • Promover aliança estratégica, parceria, foco naquilo que está fazendo.

5º Registros necessários

  • Junta Comercial;
  • Secretaria da Receita Federal (CNPJ);
  • Secretaria Estadual de Fazenda;
    Prefeitura do Município para obter o alvará de funcionamento;
  • Enquadramento na Entidade Sindical Patronal (empresa ficará obrigada a recolher, por ocasião da constituição e até o dia 31 de janeiro de cada ano, a Contribuição Sindical Patronal);
  • Cadastramento junto à Caixa Econômica Federal no sistema “Conectividade Social –INSS/FGTS”;
    Corpo de Bombeiros Militar;
  • Visita junto a prefeitura da cidade para liberação de licenças e pagamentos de taxas;
    Registros perante o Creci – Conselho Regional de Corretores de Imóveis;
  • Além desse registro da imobiliária junto ao Creci deve-se também trabalhar exclusivamente com corretores devidamente registrados junto a esse conselho.

6º Registro profissional

  • Lei nº 6.530, de 12 de maio de 1978, regulamentada pelo Decreto nº 81.871, de 29 de junho de 1978, determina que o exercício da profissão de Corretor de Imóveis em todo o território nacional somente será permitido se possuir título de Técnico em Transações Imobiliárias, inscrito no Conselho Regional de Corretores de Imóveis da jurisdição.

7º A figura do contador é essencial

  • A empresa deverá cumprir uma série de obrigações exigidas pelas legislações fiscais, trabalhistas, previdenciárias e empresariais, por isso necessita de auxílio de um profissional de contabilidade.

8º Tempo para abertura da empresa

  • O excesso de burocracia dificulta a vida do empreendedor brasileiro. Reunir toda a documentação para abrir uma empresa no Brasil pode levar até 119 dias. Nos casos menos demorados, é possível finalizar todas as etapas em 49 dias, segundo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

9º Como evitar o fracasso da imobiliária

  • Sempre faça o planejamento, a execução e o monitoramento dos resultados da estratégia da empresa.
  • Respeite a capacidade financeira da empresa, não misture as contas pessoais com as contas da empresa, pois ela precisa de recursos para financiar o capital de giro e qualquer retirada sem planejamento pode sacrificar o caixa no futuro.
  • Monitore seus concorrentes, faça uma análise dos pontos fortes e fracos de sua empresa e compare com seus concorrentes.
  • Esteja atento ao crescimento de sua região, mudanças de leis de zoneamento, plano diretor de prefeituras e invista em informações.
  • Invista sempre na formação empresarial fazendo cursos, palestras, visitas a feiras do segmento.
  • Tenha sistemas de gestão, cadastro de clientes atualizado.
  • Seja fiel aos seus valores e aos do seu negócio, valorize as parcerias, faça negociações ganha-ganha.
  • Mantenha seu cliente informado sobre tudo e faça um bom pós-venda.

10º Quais serão as despesas fixas mensais

  • Salários, comissões e encargos.
  • Despesas com alimentação, transporte, água, luz, telefone e internet.
  • Aluguel, condomínio e taxas.
  • Manutenção de software, de site e de equipamentos.
  • Higiene e limpeza.
  • Despesas de publicidade.

Fonte: Corretor de destaque

Anúncios

3 thoughts on “Imobiliária – Saiba o que é preciso para montar a sua

  1. Parabéns pelo texto, o empreendedor também pode optar por uma franquia imobiliária. Com baixo valor de investimento e inúmeras vantagens a imobiliária já nasce grande. Eu indico e recomendo a RE/MAX.

Nos ajude a fazer o melhor. Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s